conecte-se conosco


Carros

Veja 5 sedãs compactos seminovos para a família que custam até R$ 60 mil

Publicado

em

Um sedã compacto pode ser conectado, estiloso e cheio de tecnologia. Mas para um pai de família, o que realmente importa é a capacidade do porta-malas e o consumo de combustível. Partindo disso, a reportagem do iG Carros elege cinco sedãs compactos seminovos para este perfil de consumidor, entre modelos automáticos e manuais.

LEIA MAIS: Veja quais são os 5 scooters mais baratos do Brasil

1 – Nissan Versa 1.6 S 2018 – a partir de R$ 45 mil


Nissan Versa
Divulgação

O Nissan Versa tem bom espaço interno e ótima capacidade no porta-malas. Sedã caiu nas graças dos motoristas de apps

Sendo um carro “pequeno” com tamanho de sedã médio, o Nissan Versa é quase uma sala de estar sobre rodas entre os sedãs compactos . Não é difícil encontrar boas opções entre R$ 45.990 e R$ 47.500 nos classificados online. O porta-malas é de aceitáveis 460 litros.

O câmbio é manual de cinco velocidades, com engates macios e boa trambulação. Seu motor 1.6 desenvolve 111 cv e 15,1 kgfm a 4.000, podendo atingir 100 km/h em pouco mais de 10 segundos. O consumo de combustível também é bom. Conforme o Inmetro, o Versa faz 12,6 km/l na cidade e 14,4 km/l na estrada com gasolina, e 8,4 km/l e 10 km/l com etanol.

2 – Hyundai HB20S 1.6 Comfort Plus 2017 – a partir de R$ 48 mil


Hyundai HB20S Comfort Plus 1.6
Divulgação

Quer um compacto com acabamento acima da média? O Hyundai HB20S Comfort Plus 1.6 serve bem

O Hyundai HB20S está para mudar. Isso acontecerá no início de 2020, quando o sedã compacto coreano ganhará um design inspirado no conceito Saga EV, que foi mostrado no Salão do Automóvel. Mas até lá, o modelo atual surge como boa opção no mercado de seminovos, ainda com cara de “novo”. Nos classificados, surge por R$ 48 mil.

Com o pacote Comfort Plus, o HB20S vem com o conhecido motor 1.6, de 128 cv e 16,5 kgfm de torque a 5.000 rpm. O Inmetro diz que o sedã é capaz de aferir 6,9 km/l na cidade e 8,2 km/l na estrada com etanol. Com gasolina, os números vão para 10 km/l na cidade e 11,7 km/l na estrada. O porta-malas é de apenas 450 litros.

3 – Ford Fiesta Sedan 1.6 SEL 2017 – entre R$ 49 mil e R$ 51 mil


Ford Fiesta Sedan 1.6 SE
Divulgação

O Ford Fiesta Sedan 1.6 SEL também é uma boa opção entre os sedãs compactos seminovos do mercado

Outra boa opção que surge no mercado de sedãs compactos seminovos é o Fiesta. Por ter sido fabricado no México – diferentemente do hatch, que saia de São Bernardo do Campo (SP) – a versão sedã tem acabamento superior e diferenciado. Parte de R$ 49 mil nos classificados.

LEIA MAIS: Veja os 5 hatches compactos com o valor de seguro mais em conta

O porta-malas tem 465 litros, mantendo a média dos outros concorrentes da lista. Com motor 1.6, o Fiesta Sedan entrega 130 cv de potência e 16 kgfm de torque a 5.000 rpm. O modelo é capaz de aferir 11,6 km/l na cidade e 14 km/l na estrada, com gasolina. No etanol, os números passam para 7,6 km/l e 9,7 km/l, conforme o Inmetro.

4 – Honda City 1.5 EX CVT – a partir de R$ 59 mil


Honda City EX
Divulgação

Prefere pagar mais e levar um câmbio CVT? O Honda City 1.5 EX pode ser o modelo certo para seu perfil

Vários motivos nos levam a recomendar a compra do Honda City seminovo, mas o principal continua sendo o grande porta-malas de 536 litros de capacidade. O modelo é perfeito para quem curte viajar com toda a família no fim de semana, e está com um pouco mais de caixa para desembolsar algo entre R$ 59 mil e R$ 62 mil.

Equipado com câmbio CVT, é um dos carros mais confortáveis da lista. Seu motor 1.5 desenvolve 116 cv e 15,3 kgfm de torque a 4.800 rpm. De acordo com o Inmetro, o modelo é capaz de aferir 12,3 km/l na cidade e 14,5 km/l na estrada com gasolina. No etanol, os números vão para 8,5 km/l e 10,3 km/l, respectivamente.

5 – VW Voyage 1.0 Trendline 2017 – entre R$ 38 mil e R$ 42 mil


Voyage
Divulgação

Finalizamos a lista com um modelo básico, porém competente. Mesmo com 11 anos de vida, o Voyage ainda tem fãs

Na categoria dos compactos de entrada, você também pode contar com o competente Voyage Trendline. Apesar de simples, o sedã conta com porta-malas de 480 litros por um valor bem camarada. Pode ser encontrado nos classificados online por algo na casa dos R$ 40 mil.

LEIA MAIS: Quiz! Responda dez perguntas sobre a indústria automotiva brasileira

Seu motor 1.0, de três cilindros, entrega 82 cv de potência a 6.250 rpm e 10,4 kgfm a 3.000 rpm.O Inmetro divulga que o sedã compacto é capaz de aferir 8,7 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada com etanol, enquanto o consumo na gasolina sobe para 12,9 km/l e 15,4 km/l, respectivamente, entre os sedãs compactos .

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros

Renault lança nova geração do elétrico Zoe na Europa, onde chega no fim do ano

Publicado

em

por

Renault Zoe azul
Divulgação

Renault Zoe da nova geração tem autonomia de até 389 quiômetros, de acordo com a fabricante

Os europeus terão a nova geração do elétrico Renault Zoe a partir do fim do ano. O carro tem suas primeiras imagens oficiais e detalhes divulgados pela fabricante que não deu previsão de quando a novidade chegará ao Brasil, onde o elétrico é vendido com preço sugerido de R$ 149.990.

LEIA MAIS:  Renault Zoe 2019: primeiras impressões do modelo elétrico na cidade

Entre as principais novidades do Renault Zoe 2020 está a bateria de 52 kwh fabricada para dar uma autonomia de 389 km ao carro, o que significa implica em uma capacidade 30% maior sem aumento de tamanho. Além disso, a marca promete menor tempo de recarga.

Conforme as novas especificações, o Zoe da segunda geração pode ter 90% da recarga (o que garante rodar 145 km) em 30 minutos em um carregador de 50 Kw. Porém, em um aparelho doméstico, de 7 kw, será preciso 9 horas de 25 minutos para atingir 100% da carga.

O motor do novo Zoe tem 135 cv e bons 25 kgfm de torque, força suficiente para acelerar de 0 a 100 km/h em 10 segundos, conforme dados da fabricante. E para retomar de 80 a 120 km/h, ainda de acordo com a marca francesa, o carro elétrico leva 7,1 segundos, uma melhora de 2,2 segundos na comparação com a primeira geração do modelo, de 110 cv.

Renault Zoe fica mais sofisticado 

Renault Zoe interior
Divulgação

Interior do novo Renault Zoe fica mais refinado e com sistema multimídia com tela de 10 polegadas entre as novidades

Entre outros recursos, o Renault Zoe 2020 tem o chamado “B mode”, opção do sistema de transmissão que reduz a velocidade do carro apenas tirando o pé do acelerador, o que ajuda a recarregar as baterias e torna possível dirigir usando apenas um pedal, em trechos urbanos. Há também o sistema de faz o carro estacionar sozinho entre os itens disponíveis.

LEIA MAIS: Kwid e Zoe representam os dois extremos da Renault

Aliás, a lista de equipamentos do novo Zoe inclui alertas de frenagem de emergência e de mudança indevida de faixa, bem como dispositivo que lê placas de trânsito e outro que muda automaticamente o facho dos faróis de alto para baixo para não ofuscar quem vier no sentido contrário. 

Por fora, a renovação do design inclui novos componentes, como grade dianteira e para-choques, além de faróis e lanternas de LED no lugar de lâmpadas, além de novas cores e rodas. E no interior as mudanças ficam por conta do novo painel, do acabamento mais caprichado e do sistema multimídia com tela de 10 polegadas compatível com Android Auto e Apple Car Play.

 LEIA MAIS: Carros elétricos e híbridos da VW entrarão no lugar dos a combustão, em 2026

Ainda entre os principais recursos do novo Renault Zoe , destaca-se a possibilidade de controlar algumas funções do carro por aplicativo de celular, como programar o acionamento do o ar-condicionado, checar a autonomia das baterias e saber como anda a recarga das baterias. 

Continue lendo

Polícia

Política MT

Política Nacional

Polícia Federal

Mais Lidas da Semana