conecte-se conosco


Política MT

Rondonópolis recebe palestra sobre Direitos Humanos nesta quinta-feira

Publicado

em

A jovem de 21 anos e estudante do 5° ano de Direito pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Monique Geane Silva, nesta quinta-feira (15), às 19h, no auditório da Uniasselvi, em Rondonópolis (MT), vai realizar palestra com o tema “Jovens de Expressão: o jovem no cenário internacional e seu protagonismo na persecução da agenda 2030 da ONU e dos Direitos Humanos”.

O evento conta com o apoio do deputado Delegado Claudinei (PSL), que reconhece a importância do tema para a sociedade mato-grossense, principalmente com foco na juventude que necessita ter um olhar no presente e refletir as problemáticas do país e, consequentemente, realizar propostas para buscar meios de solucioná-las.

A palestrante já aplicou este tema para públicos de outros estados, como por exemplo, São Paulo. Ela explica que o principal foco é mostrar a situação dos direitos humanos nacional e internacionalmente. “Enfatizar o protagonismo dos jovens, em relação a levantar, ter um posicionamento crítico e buscar melhorias. Não ficar só reclamando do governo, ficarem sentados e esperando que aconteçam coisas melhores. Os jovens não são líderes de amanhã e, sim, líderes de hoje”, destaca Monique.

História – Nascida e criada na periféria de Brasília – DF, Monique Silva. sempre estudou em escola pública. Os pais trabalhavam dia e noite para dar o sustento necessário para ela e seus dois irmãos, sendo que não foi uma infância fácil.

As conquistas obtidas por Monique, como participar de importantes eventos da Organização das Nações Unidas (ONU) de forma nacional e internacional (França e Washington), ingressar em uma universidade pública e fazer intercâmbio, se deve o exemplo dos pais em relação à importância do estudo para a garantia de um futuro promissor. Tanto que eles fizeram o ensino médio por meio do Ensino de Jovens e Adultos – EJA e depois concluíram o curso superior. “Minha família é minha base, é por causa dela e a visão de vida que me deram, que eu consigo conquistar o que consegui até hoje”, enfatiza a jovem.

Recentemente, a palestrante realizou um processo seletivo para participar de uma assembleia da juventude na ONU e foi convidada pela presidência do ECOSOC – que é o conselho social e econômico da organização, para fazer parte da Conferência da Juventude, em Nova York, como também, do Fórum de Complaince na OCDE sendo que é uma organização internacional para cooperação e desenvolvimento econômico que fica em Paris, na França – para debater sobre mecanismos anticorrupção.

“O jovem tem que criar as oportunidades. Sonhar não é algo impossível e inalcançável. Mas, precisamos trabalhar para realizar os nossos sonhos. Luto muito por uma educação de qualidade, pelo papel da juventude em todas as tomadas de decisão. Agenda 2030 da ONU busca objetivos que busco também, em comum: educação de qualidade, luta por justiça, paz e igualdade, desenvolvimento sustentável”, posiciona Monique.

Evento: Palestra “Jovens de Expressão – o jovem no cenário internacional e seu protagonismo na persecução da agenda 2030 da ONU e dos Direitos Humanos”, ministrada por Monique Jeane.

Data: 16/05 (quinta-feira), às 19h.

Local: Auditório da Uniasselvi – Unidade de Rondonópolis. Endereço: Arnaldo Estevão de Figueiredo, 758 A – Centro.

Informações: Leônidas Carmo (66) 99961.1601 / Danillo Moraes (65) 99224.1080 (Organizadores) / Samantha dos Anjos (65) 99639.9715 (Assessoria de Imprensa)

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Personalidades da indústria serão homenageadas hoje com a Medalha do Mérito Industrial

Publicado

em

por

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

Doze personalidades da indústria mato-grossense que se destacaram ao longo da história na consolidação deste importante segmento, serão homenageadas em Sessão Plenária Especial nesta sexta-feira (24) com a “Medalha do Mérito Industrial”. A iniciativa é do deputado Carlos Avallone (PSDB), através do Projeto de Resolução nº 104/2019, aprovado recentemente na Assembleia Legislativa.

A Medalha do Mérito Industrial homenageia personalidades estaduais que merecem reconhecimento público por relevantes serviços prestados ao setor industrial. A Medalha trará no anverso a imagem de representação estilizada da Usina de Itaici, circundada na sua borda pelos dizeres “Mérito Industrial” e no reverso o Brasão de Armas do Estado de Mato Grosso. Os agraciados tem seus nomes aprovados pela Comissão Permanente de Indústria, Comércio e Turismo e receberão a honraria na semana que antecede o Dia da Indústria, comemorado anualmente em 25 de maio.

O deputado Carlos Avallone (PSDB) destaca a importância de homenagear pessoas que contribuíram significativamente para a consolidação da Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt), fundada em 25 de novembro de 1975. A principal entidade de representação das indústrias mato-grossenses é composta pelas entidades do Sistema S (Senai, Sesi e Instituto Euvaldo Lodi) e tem 38 sindicatos filiados de diversos segmentos industriais.

“Há 44 anos a Fiemt realiza ações voltadas ao desenvolvimento e à integração da indústria mato-grossense no contexto nacional e internacional, participando da formulação das políticas econômicas e sociais do estado e da região Centro-Oeste. Hoje temos mais de dez mil indústrias em Mato Grosso, que geram mais de 140 mil empregos, segundo dados de 2017. A indústria representa 16% do PIB do Estado e responde por 37,2% da arrecadação do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do Estado. Pela importância do segmento num estado em franco processo de industrialização, que agrega valor à produção primária e gera milhares de empregos, considero justa a homenagem e o estímulo aos novos empreendedores”, disse o deputado Avallone.

Em sua dinâmica de atuação para trabalhar em prol da indústria, a Fiemt conta atualmente com 13 conselhos temáticos voltados para fomentar a competitividade das unidades fabris estabelecidas em Mato Grosso. O Serviço Social da Indústria (Sesi) mantém seis unidades na capital e interior, oferecendo serviços de saúde e segurança no trabalho, educação e lazer aos trabalhadores industriais e as comunidades locais.

Já o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial totaliza 12 unidades em oito municípios, visando atender as principais necessidades da economia e do setor industrial local. O SENAI apoia 25 áreas do setor por meio da educação profissional e prestação de serviços técnicos e tecnológicos.

Serão homenageados com a Medalha do Mérito Industrial os ex-presidentes da Fiemt, Otacílio Borges Canavarros, João Barbuino Curvo Neto (In Memoriam), Ari Wojcik, Carlos Antônio de Borges Garcia, Alexandre Furlan, Nereu Luiz Pasini, Mauro Mendes Ferreira e Jandir José Milan. Também serão agraciados os empresários João Nicolau Petroni, Luiz Carlos Lomba Mello, Leopoldo Mário Nigro e Arquimedes Pereira Lima (In Memoriam).

Esta semana, em reunião na sede da ALMT, o atual presidente da Fiemt, Gustavo Pinto Coelho de Oliveira, entregou ao fundador e primeiro presidente da entidade, Otacílio Canavarros, cópia da Carta Sindical através da qual o Ministério do Trabalho autorizou o funcionamento da Federação mato-grossense, na presença do deputado Carlos Avallone.

Continue lendo

Polícia

Política MT

Política Nacional

Polícia Federal

Mais Lidas da Semana