conecte-se conosco


Mulher

Esfriou? Esta é a melhor hora para fazer exercícios para emagrecer

Publicado

em

Bastou esfriar que já bate aquela preguiça de colocar o tênis e partir para a academia. Quer um bom motivo para não se deixar levar por esse sentimento e seguir nos treinos mesmo no frio? O clima mais anemo é ideal para obter os melhores resultados nos exercícios para emagrecer. 


Mulher fazendo variação de prancha na academia
shutterstock

O clima mais frio ajuda a turbinar os resultados dos exercícios para emagrecer

Segundo Felipe Prado, professor da academia Bio Ritmo, o corpo tende a queimar mais calorias durante as  atividades no frio e, por isso, os exercícios para emagrecer podem se tornar ainda mais potentes. 

Ele explica que, no inverno ou em dias de baixas temperaturas, o organismo precisa de esforçar mais para se manter aquecido e, com isso, acaba consumindo mais calorias, e consequentemente emagrecendo mais. 

“Precisamos tirar esse tabu que só o verão é uma estação para se ir à academia. Sei que no frio as pessoas ficam mais indispostas, mas diminuir a frequência nos treinos prejudica não só os resultados, mas também faz com que as pessoas deixem de aproveitar as peculiaridades de cada período, como o fato de se ter uma facilidade de perda de peso no frio”, afirma Prado. 

Leia também: Dicas para não deixar a preguiça te afastar da academia no frio

O que emagrecer mais no frio: cardio ou musculação?

Quem está tentando usar o frio como um aliado para perder peso , pode apostar, de acordo com o professor da Bio Ritmo, tanto em exercícios de cardio quanto na musculação.

“Ambas atividades são eficientes porque existem dois momentos no processo de perca de calorias e peso que estão presentes tanto no cardio quanto na musculação. O primeiro é quando gastamos calorias para realizar o exercício e o segundo é na recuperação do treino, onde o corpo na tentativa de recuperar o estresse muscular, consome as calorias e na maior parte das vezes, ajuda a emagrecer também”, detalha Prado. 

Entretanto, ele faz uma ressalva importante: seja qual for o exercício escolhido, é importante fazer um bom aquecimento , principalmente nos dias de frio. “No outono e no inverno, o aquecimento é ainda mais importante porque vai ajudar a aumentar a temperatura do corpo e preparar as articulações para as sobrecargas dos treinos”, fala o professor. 

Ele também dá dicas para um aquecimento ideal: “No aquecimento precisamos atingir um batimento cardíaco mais elevado, em torno de 100 a 120 por minuto, para preparar o sistema cardiovascular para a atividade física. Essa é uma referência que temos para saber que estamos aptos para começar a atividade física”

Prado continua: “A duração é de 5 a 10 minutos e pode ser feito com uma caminhada acelerada, trote, esteira com inclinação, movimentos calistênicos – que utilizam o peso corporal – , entre outros. É importante ressaltar que no aquecimento não utilizamos sobrecarga”.

E seja nessa etapa inicial ou no treino em si, o auxílio de um profissional é fundamental. “A indicação [do aquecimento] deve ser feita pelo profissional de educação física, pois não adianta o aluno aquecer os membros inferiores se ele vai jogar tênis, por exemplo!”, comenta o profissional. 

Mais cuidados nos exercícios para emagrecer no frio


Mulher correndo em um dia frio
shutterstock

Tome cuidado na escolha das roupas ao praticar exercícios no frio, seja na academia ou ao livre

Se a temperatura caiu, outro ponto que deve ser levado em conta pensando no bem-estar e também nos melhores resultados é a hidratação. Corpo bem hidratado funciona melhor. 

“No tempo mais frio é importante que a pessoa não deixe de se hidratar, pois como transpiramos menos, ou seja, trocamos menos de calor com o ambiente, automaticamente sentimos menos sede”, diz Felipe Prado.

“Porém, a água é essencial para funcionamento do nosso corpo. Recomendo sempre que o aluno mantenha a quantidade que ingeria em períodos mais quentes, sendo sempre água, e não bebidas açucaradas”, orienta o professor. 

Também vale atenção especial às roupas que vai usar – seja para treinar na academia ou em uma corrida na rua. Mesmo com as temperaturas mais baixas, nada de exageros. “É importante evitar roupas pesadas para que o aluno se sinta mais confortável durante o treino. Uma dica é procurar as famosas roupas corta vento que são leves, mas impedem o vento de entrar na roupa”, sugere Prado. 

Olho na dieta

E para realmente ter resultados nos exercícios para emagrecer , sempre vale cuidar da dieta. “É preciso tomar cuidado com a ingestão calórica, pois no frio, naturalmente sentimos mais fome e comemos refeições mais gordurosas. Mas, o ideal é que o aluno siga a dieta pré-estabelecida pelo nutricionista ou foque nos alimentos saudáveis, como os integrais e funcionais. Eles vão ajudar a repor as energias e manter a imunidade estável”, diz o educador físico.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mulher

Instagram para emagrecer? Jovem consegue eliminar 63 kg com ajuda da rede social

Publicado

em

por

A australiana Josephine Desgrand, de 19 anos, teve de combater o vício em doces para conseguir emagrecer e, determinada a perder peso, a jovem revela que o Instagram teve papel fundamental no processo para eliminar 63 kg.

Leia também: Jovem conta como WhatsApp a ajudou a emagrecer 30 kg: “Encontrei amor, carinho”


Josephine Desgrand emagrecer
Reprodução/Instagram/@nolongerfatjosie

A jovem Josephine Desgrand foi de 120 kg para 57 kg com ajuda de usuários do Instagram e quer motivar outras pessoas

Josephine pesava 120 kg e era viciada em chocolate. Ela conta ao Daily Mail que sempre foi “gordinha” e, como as pessoas da família, amava comer. “Sempre havia batatas fritas e chocolate nos armários”, diz. A jornada para emagrecer não foi fácil, e a adolescente esbarrou nas barreiras da dependência de açúcar.

Graças à compulsão por doces, ela ganhou muito peso e se tornou obesa. Embora tentasse mudar os hábitos de vida, a moça sempre caia nas tentações. “Um dia eu olhei no espelho e eu tinha triplicado de tamanho. Tentei perder peso , mas meu gosto por doce sempre levava a melhor”, relata.

Leia também: Nutricionistas detalham o que comer no café da manhã para emagrecer

Como o Instagram ajudou a emagrecer


Josephine Desgrand
Reprodução/Instagram/@nolongerfatjosie

Josephine compartilha com seus seguidores seu ‘antes e depois’ para motivá-los e mostrar que é possível perder peso

Para buscar inspiração e tentar alterar seu estilo de vida, Josephine conta ao jornal que passou a analisar o Instagram e o YouTube de diversas pessoas ao redor do mundo, famosas ou não.

“Eu não estava confortável em usar roupas de verão e de repente percebi que precisava mudar. Comecei a seguir as jornadas de perda de peso no Instagram e no YouTube”, conta a garota.

A jovem salienta que isso ajudou a mudar sua mentalidade e encarar a perda de peso como uma mudança fundamental para conquistar o bem-estar, não apenas como uma dieta.

“Pessoas normais, como eu, postavam fotos de sua transformação. Isso me fez perceber que também poderia fazer isso”, declara.

A australiana pontua que quando pensava em desistir da jornada de emagrecimento não hesitava em recorrer ao Instagram para se motivar novamente. Agora, com 57 kg, ela mantém uma vida repleta de exercícios físicos e alimentação adequada. 

De motivada à motivação


emagrecer
Reprodução/Instagram/@nolongerfatjosie

Depois de se inspirar nas pessoas da rede social, é a vez de Josephine servir de inspiração para quem quer emagrecer

Josephine segue mostrando sua rotina e sua mudança em um perfil no Instagram, o @nolongerfatjosie (algo como “ex-gorda Josie”, em uma tradução livre para o português) e serve de inspiração para os mais de 134 mil seguidores que tem na rede social.

Confiante, ela diz que deseja ajudar outras pessoas a alcançarem os mesmos feitos e melhorarem o estilo de vida . “Eu costumava ser tão tímida, mas agora estou fazendo o meu melhor para ajudar os outros a fazerem o mesmo”, comenta.

“Eu recebo mensagens diariamente pedindo dicas e é uma sensação incrível saber que estou ajudando outras pessoas a alcançar o corpo de seus sonhos”, acrescenta ela.

Leia também: Você conhece os benefícios de cada tipo de feijão? Tem opção até para emagrecer

Antes de eliminar mais de 60 kg, a jovem usava roupas que cobriam todo o corpo. Isso, porém, mudou: “Agora estou confortável comigo mesma, adoro usar vestidos curtos ou tops com leggings”.

Ela também revela que muitos colegas de classe antigos não a reconheceram após emagrecer . “Eu nunca vou esquecer do dia em que fui ao baile [escolar] e as pessoas que haviam me ignorado por anos ficavam me parabenizando”, finaliza a jovem.

Continue lendo

Polícia

Política MT

Política Nacional

Polícia Federal

Mais Lidas da Semana